INDÚSTRIATECNOLOGIA

Unidades EMBRAPII e NATURA debatem oportunidades de negócio em inovação

Representantes de dez centros de pesquisas credenciados pela EMBRAPII participam de Rodadas de Negócios na sede da empresa em São Paulo

Nesta quarta-feira (12), representantes de dez unidades EMBRAPII (Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial) se reuniram com a direção de inovação da empresa de cosméticos Natura, em São Paulo, para apresentar suas competências técnicas e cases de sucesso com a indústria. O encontro teve como objetivo favorecer a geração de novos negócios para a cooperação em projetos de P,D&I (Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação).

Profissionais do setor de inovação da empresa participaram das rodadas de negócios com as Unidades EMBRAPII para identificar potenciais parceiros comerciais no desenvolvimento de novos produtos e processos industriais.  Atualmente, a empresa tem dois projetos apoiados pela EMBRAPII: o desenvolvimento de novo produto cosmético e outro relacionado à produção do biotensoativo proveniente de oleaginosas da Amazônia.

O Brasil é o quarto mercado mundial de itens de beleza e higiene e o terceiro em lançamento de novos produtos, movimentando cerca de U$ 30 bilhões no ano passado. “A competitividade da indústria passa pela inovação e, cada vez mais, as soluções tecnológicas estão se tornando mais colaborativas. A parceria entre empresas e instituições de pesquisa é fundamental, considerando que ambos detêm muito conhecimento. As Unidades EMBRAPII estão preparadas para atender as demandas do mercado com agilidade e flexibilidade que os projetos de inovação exigem”, destaca Carlos Eduardo Pereira, diretor de operações da EMBRAPII.

Participaram do encontro representantes das unidades EMBRAPII: Fundação Certi, de Sistemas Inteligentes; o CQMED (Centro de Química Medicinal de Inovação Aberta), de fármacos e biofármacos, o DCC/UFMG (Departamento da Ciência da Computação da Universidade Federal de Minas Gerais), de Software para Sistemas, a Embrapa Agroenergia, de Bioquímica de Renováveis; o  INT (Instituto Nacional de Tecnologia), de Química Industrial, IPT-Bio ( Instituto de Pesquisa Tecnológico), de Processos Biotecnológicos, o IPT-MAT , de Material de Alto Desempenho,  TecnoGreen/Poli–USP, de Química Verde, o ISI Engenharia de Polímeros e o ISI Sistemas Embarcados.

Modelo EMBRAPII

A EMBRAPII é uma organização social que tem contrato de gestão com os Ministérios de Saúde, Educação (MEC), Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC) e possui um modelo próprio de investimento em projetos de PD&I (Pesquisa Desenvolvimento e Inovação) inspirado em organizações internacionais.

Empresas que possuem um projeto avaliado como inovador devem se associar a uma das 42 unidades credenciadas existentes no país. Caso o projeto seja aprovado, após avaliação técnica, os gastos para o desenvolvimento são divididos em três partes. A EMBRAPII fica responsável por um terço do valor, a unidade disponibiliza mão de obra e equipamentos e a empresa financia o restante. Atualmente, já são mais de 700 projetos apoiados em um investimento que supera 1,2 bilhão.

Fonte: Inforex

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Fechar
Fechar